BLEND 6 - Vinhos com Assinatura
Seja Responsávelbeba com moderação
Possui idade legal para consumir
Bebidas Alcoólicas?
Sim
Não
A sua idade não permite aceder ao site devido a restrições legais

A Natureza dos Detalhes

20/08/2018

O sol, uma nuvem e umas gotas de chuva remetem para os Invernos frios e Verões quentes da região. A folha de videira e o cacho de uvas apontam para a especificidade das castas, Cabernet Sauvignon e Touriga Franca no tinto, Antão Vaz no branco. A pequena minhoca e os micro-organismos do solo simbolizam os auxiliares fundamentais da agricultura biológica. As ondas de água, as pedras e as raízes dizem respeito ao que acontece debaixo da terra, e há ainda um número “7” e um “b” minúsculo para assinalar as sete tipologias de solo da Herdade do Esporão e a natureza biológica do que vamos beber.

Estes são os ícones desta narrativa, descortinados por Eduardo Aires, autor da imagem gráfica do Esporão Colheita.
«Os símbolos surgem de um processo de síntese relativo a todos os elementos naturais que estiveram no processo de elaboração deste vinho. Desde as questões ambientais, ao território, ao terroir, passando inclusivamente pela representação das “TÚLIPAS” onde o vinho evolui.»

Quando se tem os elementos terra, água, sol e ar na nossa equipa, não queremos escondê-los, mas potenciá-los. Tudo o resto é supérfluo. Basta um pequeno passeio pelo vinhedo biológico para que toda a biodiversidade se revele, rica e equilibrada, onde todos têm um papel.
Encontramos, por exemplo, amoras de silvas, abrunheiro bravo e madressilva, entre outras plantas hospedeiras dos insectos auxiliares. Por prevenirem muitas pragas, a crisopa e a joaninha-de-sete-pintas, estão nos nossos agradecimentos.
Nos 7 solos da herdade desenvolvem-se também os micro-organismos essenciais à decomposição da matéria orgânica. E, assim, as raízes absorvem nutrientes cruciais para uma vinha saudável.
Os morcegos que vivem nos abrigos construídos de propósito, alimentam-se das traças que poderiam prejudicar a vinha. O pastoreio de ovelhas toma conta da vegetação espontânea nas parcelas contíguas à vinha, o que previne incêndios florestais. Quanto às galinhas, ajudam as ovelhas, controlam pragas do solo e polinizam as sementeiras dos solos.

Actualmente já toda a Herdade do Esporão se encontra em produção biológica. O passo natural seguinte é a certificação em curso, que começou com a área de vinha correspondente à do Esporão Colheita. No ano de 2021 poderemos brindar ao fim deste delicado processo, momento em que teremos cerca de 700 hectares de vinha em total sintonia (e parceria) com a natureza.
Com o nosso exigente primeiro vinho biológico recordámos os elementos, práticas, auxiliares, amigos e família que nos acompanharam até aqui, desde a Herdade até à mesa, passando pela terra, pelos frutos e pelas adegas. Esta história de inconformismo e equilíbrio já vai longa, mas felizmente, como dizem os antigos, «à mesa ninguém se faz velho».


fonte: Esporão

 

 

  • Credit Suisse
  • David Rosas
  • Jaguar
  • Aston Martin
  • Zwiesel 1872
2017 | Privacidade Direitos Reservados
Sensorial